Varela Net

Varela Net

Cidade

Com queda de 80% nas doações, Lar Amor e Vida pede socorro

Localizada no Acupe de Brotas, em Salvador, instituição, que acolhe idosos e crianças, sofre com a falta de ajuda; Diretor relata falta de medicamentos, alimentos e itens básicos de higiene

Com queda de 80% nas doações, Lar Amor e Vida pede socorro

Foto: Vinicius Viana / Varela Net | Por Vinicius Viana no dia 02 de dezembro de 2021 às 05:00

Apesar do avanço na vacinação contra a Covid-19 e a flexibilização das medidas que permitiram a retomada e o aquecimento da economia na capital baiana, a vida ainda não retornou ao normal para muitos, principalmente para as crianças e idosos do Lar Amor e Vida, que foram afetados não somente pela redução das visitas feitas por familiares e voluntários, mas também com a falta de doações de itens básicos como alimentos, produtos de higiene e remédios. 

O Lar Amor e Vida abriga, atualmente, 25 crianças e 35 idosos, dentre eles 12 são portadores de necessidades especiais. Eles chegam no abrigo através da família, de casos de abandonos e outros através do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e de prefeituras dos municípios baianos. 

Paulo Brito, diretor da instituição, conversou com a equipe do Varela Net sobre as dificuldades que o abrigo tem enfrentado neste período pandêmico. Ele contou que 80% das doações caíram e que a instituição está vivendo o momento mais difícil de sua história. 

“Além de 80 % das doações caírem, tudo está mais caro e nós temos que comprar. Está faltando principalmente proteínas, material de limpeza, fralda geriátrica, porque tudo subiu. O lar tem passado muita dificuldade e chegando dezembro ainda temos a questão de 13º e aumento de luz. Está muito difícil a sobrevivência do nosso lar. Nestes 30 anos estamos vivendo o momento mais difícil que já atravessamos”, desabafou.

Paulo denunciou ainda a falta de medicamentos que são fornecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nos postos de saúde do Governo do Estado da Bahia. “Estamos vivendo um momento terrível na saúde. Não está tendo remédio de pressão alta, diabetes e controlados. Nos postos não estamos encontrando nada, a maioria dos remédios estão faltando. Dizem que não estão sendo fornecido pelo governo federal e estamos nessa luta. O que percebemos nesse impasse do governo federal e estadual é que quem tem sofrido é a classe menos favorecida”, revelou Paulo.

Ele ainda pontuou sobre o impacto da falta de contato e o abandono por parte dos familiares dos idosos. “Ninguém vai substituir sua mãe, porque sua mãe vai ser sempre sua mãe, por mais que a gente tente, porque cada pessoa tem uma importância na vida da outra e a gente percebe um olhar distante nos idosos”. E completou dizendo que “são poucas as famílias que fazem questão de pegar o seu idoso para passar o final de semana em casa”, pontuou.

Atualmente, 17 pessoas trabalham diariamente na instituição no setor de enfermagem, serviço gerais, cozinha, lavanderia e cuidadores de idosos.

Doações
As doações podem ser entregues no Lar Amor e Vida todos os dias da semana, em qualquer horário. O abrigo fica localizado na R. Jardim Santa Helena, 307, Acupe de Brotas, Salvador. Mais informações no telefone (71) 99959-0063. As doações de valores podem ser feitas através na conta corrente da instituição no Banco Bradesco: Agência 3173, conta 49072 – 5 ou através do PIX: 71991175487.

Sesab e SMS respondem


Em contato com o Varela Net, a Secretária da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) falou sobre a denúncia da falta de distribuição de medicamentos no Hospital Psiquiátrico Juliano Moreira para a população. “A maioria das medicações citadas são clínicas, e não são fornecidas para pacientes na farmácia do ambulatório", diz a nota.

Em outro trecho, eles esclarecem que elas “são fornecidas se o paciente estiver internado (losartana, hidroclorotiazida, metformina) são medicações para hipertensão e diabetes”, finalizou Sesab.

Já a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), informa que os medicamentos Losartana Potássica, Hidroclorotiazida 25mg, Metformina 850mg e Fluoxetina 20mg não estão em falta na rede.

"Referente ao Hidroclorotiazida 25mg, pode ter ocorrido algum desabastecimento pontual em alguma  unidade o que será reposto. Sobre o  Mirtazapina 30mg, houve um desabastecimento pontual devido à grande procura, no entanto, já foi efetuada uma nova compra e estamos aguardando a entrega por parte do fornecedor. Sobre o Clozapina 100mg e Quetiapina 25 mg, esclarecemos que são dispensados pela Secretaria Estadual da Saúde (SESAB)", diz a nota da SMS.


 

Leia mais sobre


LarIdososCriançasAcolhimentoSesabSMSMedicaçõesAmor e VidaSalvadorDoação

Outras

Mais Lidas

Ver Mais
Com queda de 80% nas doações, Lar Amor e Vida pede socorro - Varela Net